Lei Seca completa nove anos com 93,1 mil multados por embriaguez no DF

29/06/2017
Lei Seca completa nove anos com 93,1 mil multados por embriaguez no DF

A Lei Seca completa 9 anos nesta semana e, pelo menos no Distrito Federal, o balanço é positivo: no período, as mortes no trânsito diminuíram 37%. Se comparado o número de vítimas em acidentes fatais com o ano antes da aplicação da lei, 864 vidas foram poupadas. No entanto, os motoristas seguem com hábito de dirigirem alcoolizados. Desde o começo do ano, pelo menos 10 mil motoristas foram multados por embriaguez.

Desde a sanção da Lei Seca, em junho de 2008, o número de multados por dirigir sob efeito do álcool chega a 93,1 mil. O desrespeito à regra é perigoso e pode ser fatal. Só no ano passado, 391 pessoas morreram vítimas de acidente de trânsito – 114 delas estavam sob efeito de álcool ou drogas.

“Nós observamos que boa parte da população já mudou o comportamento, mas ainda tem uma parcela que insiste e está sendo fiscalizada”, afirmou o diretor-geral do Detran, Silvain Fonseca.

“Só aumentou o número de abordagens feitas pelo Detran, DER, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, e com isso tirando grande número de pessoas de circulação. E o mais importante: mais de 95% dos condutores autuados por alcoolemia estão sendo retirados antes que se envolvam em acidentes.”

A multa por dirigir embriagado é de R$ 2.934,70, com sete pontos na carteira de habilitação. O motorista também deixa de poder dirigir por um ano, mas a proibição só passa a valer quando não couber mais recurso.

Comente isso! Comentar

  • Não existem comentários ainda, clique em comentar e seja o primeiro!