Evento no Rio lembra vítimas do trânsito

 Evento no Rio lembra vítimas do trânsito

Evento no Rio lembra vítimas do trânsito

    O presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Trânsito Seguro e autor da Lei Seca, deputado Hugo Leal (Pros-RJ), compareceu a evento do Detran-RJ, na manhã do domingo (16), pelo Dia Mundial em Memória às Vítimas de Trânsito. Líderes de 11 denominações religiosas participaram da cerimônia, que aconteceu no Aterro do Flamengo. "Este ano venho com satisfação especial participar desse evento. Conseguimos reduzir o número de vítimas do trânsito no Estado do Rio de Janeiro. Precisamos estender as ações para que isso aconteça em todo o Brasil. Políticas públicas de mobilidade urbana e trânsito não podem ter papel secundário. Elas são prioridades", disse o parlamentar

   A data do evento, sempre no terceiro domingo de novembro, foi criada pela ONU como forma de alertar o mundo sobre o número alarmante de mortes decorrentes de acidentes de trânsito. A cerimônia deste ano teve um significado especial, porque o Estado do Rio de Janeiro liderou a queda de mortes no trânsito ocorridas no ano passado no Brasil. Segundo dados do SUS, elas caíram das 3.047 de 2012 para as 1.692 de 2013, significando uma redução de 44%. Em São Paulo, ainda segundo o SUS, essa redução foi de apenas 8%.

   A Lei Seca foi lembrada por muitos oradores como a principal política pública da área. Ela foi lembrada pelo presidente do Detran-RJ, Fernando Avelino, pelo representante da Igreja Católica, diácono Nelson Águia, e pelo representante da igreja evangélica Voz de Deus, pastor Ayo Balogun. Fernando Avelino anunciou na ocasião a unificação dos atendimentos do Navi (Núcleo de Apoio à Vítima de Trânsito) e do Dpvat, a partir da segunda-feira, dia 17.

 

 

Deputado Hugo Leal (PROS-RJ),autor da Lei Seca, com o presidente do DETRAN-RJ Fernando Avelino.

Deputado Hugo Leal (PROS-RJ),autor da Lei Seca, com o presidente do DETRAN-RJ Fernando Avelino.

 

 

 

 

O autor da Lei Seca, deputado Hugo Leal (PROS-RJ), com agentes da operação.

O autor da Lei Seca, deputado Hugo Leal, com agentes da operação.

Comente isso! Comentar

  • Não existem comentários ainda, clique em comentar e seja o primeiro!